A Bolsa de Exploração da Nomad é um fundo anual de 10.000€ que apoia a curiosidade e a inquietude. Financiando projetos e viagens com um impacto positivo ou que contribuam para um melhor conhecimento do nosso planeta e dos povos que nele habitam.


Veja em baixo como submeter a sua candidatura



CATEGORIAS

A Bolsa de Exploração Nomad financia projetos que se enquadrem nas seguintes categorias:

CONSERVAÇÃO AMBIENTAL

Iniciativas que contribuam para a preservação do nosso planeta ou a sensibilização do público para questões ambientais.

TURISMO RESPONSÁVEL

Acções com a finalidade de minimizar o impacto do turismo nas comunidades e ecossistemas locais.

EXPLORAÇÃO GLOBAL

Projectos que nos mostrem as regiões, culturas ou tradições menos conhecidos do nosso planeta. Assim como zonas que estejam em risco e sujeitas a grandes transformações culturais ou ambientais.

NARRATIVA DE VIAGEM

Narrativas on-line ou off-line de viagens com uma mensagem bem definida que inspire a descoberta do nosso mundo.

AUXÍLIO HUMANO

Apoiamos iniciativas que proporcionem um imediato impacto positivo em pequenas comunidades.


CANDIDATURAS

A Nomad aceita candidaturas ao longo do ano, distribuindo a bolsa de exploração mediante a validade de cada projeto. As candidaturas do ano corrente encerram quando a totalidade da bolsa for integralmente distribuída. Valorizamos projetos com uma mensagem bem definida e com o objetivo de causar um impacto positivo.

*veja as FAQ no final desta página para mais informações



BOLSAS ATRIBUIDAS

PROJETOS APOIADOS (desde 2008)

FINANCIAMENTO JÁ ATRIBUÍDO (em euros)

Projecto: Fui Dar Uma Volta
Autor: Jorge Vassallo

Projecto: WWF & PAN Praks
Autores: Marco Pereira, Sara Wong

Projecto: Grandes Migrações do Serengeti
Autor: Luís Quinta

Projecto: Curtumes de Fez
Autores: Carlos Carneiro, Tiago Costa

Projecto: Lado B de Marraquexe & Fez
Autora: Susana Paiva

Projecto: Marraquexe
Autores: Tiago Costa

Projecto: Tudo é Possível
Autor: Jorge Vassallo

Projecto: Sobre|Viver Amazónia
Autores: Inácio Rozeira, Eduardo Madeira, António Luís Campos, Tiago Costa

Projecto: Vias de comunicação da Amazónia
Autores: António Luís Campos, Tiago Costa

Projecto: Dar a Volta | América do Sul
Autores: Helena Pimentel, Inácio Rozeira

Projecto: Dar a Volta | Índia
Autores: Helena Pimentel, Inácio Rozeira

Projecto: Transiberiano
Autor: Sérgio Brota

Projecto: O Mundo a seus pés
Autores: Pedro Loureiro, Tiago Salazar

Projecto: Crónicas da Atlântida
Autor: António Luís Campos

Projecto: Ver Natureza
Autores: Pedro Alarcão, Anabela Moedas

Projecto: Gorilas de montanha de Bwindi
Autor: Filipe Morato Gomes

Projecto: Do Cairo a Teerão
Autor: Filipe Morato Gomes

Projecto: Diário da Pikitim
Autores: Filipe Morato Gomes, Luísa Pinto, Inês aka Pikitim

Projecto: Sismo 2015 | apoio à reconstrução de infra-estruturas
Autores: Equipa Nomad

Projecto: Entrega de material escolar
Autor: Tiago Costa, Cloe Erickson

Projecto: 1 km de cada vez
Autor: Gonçalo Cadilhe

Projecto: Centro Saúde El Paredon
Autor: Rita Cortes Valente

Projecto: Centro Social Tio António
Autor: Eduardo Madeira

Projecto: Escola Feliz | Amún Shéa
Autores: Carlos Carneiro (até 2015), Eduardo Madeira (desde 2015)

Projecto: Escola Feliz | Merida, Ometepe
Autor: Carlos Carneiro

Projecto: Magic Yeti Library
Autor: Pete Athens

Projecto: Rainbow House | Kiya Survivors
Autor: Inácio Rozeira (até 2014), António Luís Campos (desde 2014)

PERGUNTAS FREQUENTES

Quais as etapas da candidatura?

PASSO 1: SUBMISSÃO DO PROJECTO

Submeta a sua candidatura com uma antecedência mínima de 6 meses antes da data de início do seu projeto, usando o formulário desta página.

PASSO 2: AVALIAÇÃO DE VIABILIDADE

Ao receber a sua candidatura, a Nomad constitui um painel de avaliadores, composto por elementos da equipa da agência e profissionais com competências na área. Se a sua candidatura for elegível, será contactado por um representante da Bolsa de Exploração Nomad, que lhe colocará perguntas adicionais para aferir a viabilidade do seu projecto.
Caso a sua candidatura não seja selecionada, receberá um e-mail informando as razões que levaram a essa decisão.

PASSO 3: ENTREVISTA

Para as candidaturas que apresentem um projecto exigível e viável, o último passo é uma entrevista presencial com os representantes da Bolsa de Exploração Nomad destacados para a sua candidatura. Após esta entrevista receberá por e-mail a decisão final à sua candidatura.

Haverá um compromisso escrito para a entrega da bolsa?

Sim. Os elementos das candidaturas e a Nomad elaboram um contrato escrito que assegura os prazos de entrega da bolsa e as condições de execução da mesma.

A minha candidatura tem de ter uma componente de divulgação?

Não. Pode submeter um projeto sem que a mesmo tenha um objectivo de divulgação.
ex: orçamento apenas para comprar árvores para reflorestamento

Posso candidatar-me apenas para ajuda na divulgação?

Não. A Bolsa de Exploração não apoia projetos na qualidade de media partner.

Aceitam projetos de voluntariado?

Valorizamos muito o movimento cívico associado ao voluntariado. No entanto, por sentirmos que os projetos de voluntariado são assentes numa estrutura organizacional com formas próprias de se financiar, gostaríamos que os nossos fundos fossem aplicados em projetos criados de raiz.

Quem se pode candidatar?

Aceitamos candidaturas submetidas por todos os cidadãos de nacionalidade portuguesa, maiores de idade.

Qual o valor entregue a cada candidatura?

Não existe um montante fixo. Aceitamos candidaturas para valores baixos ou para a totalidade da bolsa.
O financiamento a ser atribuído será avaliado mediante os objectivos do projecto.

O que valorizam nas candidaturas?

Projectos bem organizados, com uma mensagem clara, objectivos bem definidos e um orçamento coerente.
Valorizamos projectos com potencial para criar um impacto positivo, seja social ou ambiental. Assim como ideias únicas e candidaturas que demonstrem paixão, iniciativa e criatividade.

Os projetos podem ser realizados em Portugal?

Sim. Desde que se enquadrem numa das categorias.

Os elementos da equipa da Nomad podem-se candidatar?

Sim. No entanto, não terão nenhum estatuto preferencial. Tendo que apresentar uma candidatura viável, seguindo os procedimentos apresentados neste website.

O meu projeto pode ter outros patrocinadores?

Sim. Aceitamos candidaturas que tenham financiamento adicional junto de outros patrocinadores.

Quais as contrapartidas esperadas?

Caso obtenha financiamento da Bolsa de Exploração haverá um período onde se abordará o valor entregue e as contrapartidas para a Nomad enquanto patrocinador. No entanto, nem todos os projectos terão contrapartidas associadas.

#BOLSAEXPLORACAO

Desde a sua fundação, em 2007, a Nomad tem vindo a apoiar espíritos irrequietos e ideias que procurem causar um impacto positivo no nosso planeta. Conheça-nos em www.nomad.pt